Estudantes de todo o IFC mostram seus talentos artísticos no IV IFCultura

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

O Campus São Bento do Sul se transforma em um pólo cultural estudantil com a realização do IV IFCultura – evento que reúne apresentações artísticas de estudantes de todo o IFC, com o objetivo de contribuir com a sua formação integral e estimular o intercâmbio sociocultural e artístico entre os participantes. Este ano, são 50 trabalhos –  incluindo música, dança, poesia, artes plásticas e muito mais.

A sede das apresentações é a tenda que foi montada no estacionamento do campus especialmente para o IFCultura e a Micti – e onde são realizadas também as palestras da programação da Mostra. Apesar de ser um local bastante amplo, a plateia está sempre cheia – e a reação da plateia é animada e acolhedora.

Um dos estudantes artistas a participar do IFCultura é Felipe Riffel, do curso de Informática integrado ao ensino médio do Campus Camboriú, que fez uma apresentação musical com a colega Maria Gabriela Taques. Ele diz que participar do evento superou suas expectativas. “Foi bem interessante, a platéia é bem animada. Esse tipo de evento faz a gente querer continuar no ramo da música, estudando mais e praticando mais”. O estudante conte que a música é algo primordial em sua vida. “A cultura, a música, são o que faz a gente pensar, relaxar, mexe com as nossas emoções…pra mim, é muito importante.

Também do curso de Informática de Camboriú veio Laura Ouverney, que declamou um poema marginal de sua autoria – um trabalho que, segundo ela, é fruto de muita dedicação e pesquisa. “Escrever poesia é o que eu amo fazer. Eu me dedico desde o ano passado, ensaiando, escrevendo, pesquisando autores para me inspirar. Busco todas as oportunidades possíveis de apresentar meu trabalho. E fiquei muito feliz e orgulhosa em ser uma das três apresentações selecionadas no meu campus. Vim pra dar meu sangue aqui!”

Laura ressalta que a interação com os outros artistas também é um dos pontos altos da experiência. “Não tem com você pensar só em você. Tem que ver os outros, seus acertos e erros, e se inspirar naquilo. É um trabalho em conjunto: você assiste, se inspira e consegue trabalhar também. Eu espero inclusive ter a chance produzir algo com os meninos do grupo Poesias de Resistência, de Videira, que também se apresentou aqui”.

Allyssa Chaves veio do Campus Luzerna, do curso técnico em Mecânica integrado ao ensino médio, para cantar, acompanhada pelo violão da colega Bianca Vieira, do curso de Automação Industrial. Elas também participaram do IFCultura do ano passado.”É uma experiência muito boa. Música é o que eu quero fazer, e as participações no evento tem aberto muitas portas pra mim. É uma oportunidade para divulgar meu trabalho e também interagir com outros artistas”, conta Alyssa. “Eu adoro vir pra cá! É um evento em que todos gostam de cultura e é envolvido com música… é muito gostoso ver a apresentação dos outros participante e também receber a reação deles ao nosso show”, completa Bianca.

As apresentações do IFCultura continuam durante todo o dia de hoje. Fique de olho nos stories do Instagram do IFC – @ifc.oficial – pra acompanhar alguns flashes da programação!

Acesse aqui a galeria de fotos da Micti e do IFCultura.

Texto e Imagens: Cecom/Reitoria/Thomás Müller