Estudante do IFC é eleita no Parlamento Juvenil Mercosul

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Aymee Agnes - Ibirama.

A estudante, do ensino médio integrado do Instituto Federal Catarinense (IFC) – Campus Ibirama, Aymee Agnes de Andrade Sinn, foi a candidata catarinense mais votada nas eleições que dão direito a uma vaga para o Parlamento Juvenil Mercosul (JPM). O estado contava com quatro candidatos:

  1. Ana Carolina Schutz Ribeiro: Instituto Estadual de Educação. 41 votos válidos.
  2. Aymee Agnes de Andrade Sinn: Instituto Federal Catarinense. 184 votos válidos
  3. Julia Francisco Mafra: Instituto Estadual de Educação. 74 votos válidos.
  4. Vinicius Testoni Longen: E.E.B. Dr. Frederico Rolla. 129 votos válidos.

As eleições aconteceram de 30/10 a 07/11, e foram contabilizados 32.310 votos. Os votos foram auditados, de forma a verificar a aderência às regras de idade e CPF, e o resultado final aconteceu nesta quinta-feira (17/11). Cada unidade da federação terá um representante, totalizando 27 representantes brasileiros.

O mandato de Aymee será de dois anos (2016/2018) e o objetivo do PJM é promover o protagonismo juvenil, abrindo espaço para diálogos e discussões sobre temas vinculados à educação (inclusão educativa, participação cidadã, direitos humanos, diversidade de raça, etnia e gênero, integração regional e trabalho). Todas as discussões serão norteadas pelo tema principal deste ano O ensino médio que queremos, e os jovens parlamentares trabalharão propostas referente às necessidades e anseios comuns da juventude dos países do Mercosul.

Ainda, o Parlamento Juvenil do Mercosul oferece aos jovens uma oportunidade única de expandir seus horizontes, ao mesmo tempo que fortalece o processo de integração, garantindo à nova geração a possibilidade de ser ouvida e de exercer ativamente a cidadania. Veja todas as informações em http://pjm.mec.gov.br/.

Com o projeto Imigração Haitiana no Brasil: inclusão e diversidade de raça, Aymee concorreu a uma vaga no Parlamento porque diz ter uma conexão com a ideia de querer ajudar as pessoas. “Acredito que posso fazer isso por meio do Parlamento Juvenil, dando a chance a elas de terem as mesmas oportunidades que todos”, diz ela.

Conheça mais sobre Aymee e o seu projeto: http://noticias.ifc.edu.br/2016/10/25/aymee-agnes-e-a-candidata-do-ifc-ao-parlamento-juvenil-mercosul/.

*Texto: Cecom/Reitoria. Atualizado em 17/11/2016.

**Foto: Cecom/Ibirama.